.

Pilates

O Pilates é um complexo sistema de reabilitação e condicionamento físico desenvolvido por Joseph Pilates em 1923. Seu método de condicionamento físico e mental proporciona um completo treinamento que melhora a força, a flexibilidade e a consciência postural. Sua filosofia integra a mente com o sistema músculo-esquelético, numa perfeita integração entre o físico e o mental. 
 
Os exercícios do Pilates permitem o recondicionamento muscular, e sua natureza simétrica faz do método um excelente agente terapêutico. Além dos grandes músculos – freqüentemente trabalhados na musculação – o Pilates trabalha os pequenos grupos musculares profundos, responsáveis por boa parte da sustentação do nosso corpo, diminuindo assim a sobrecarga sobre os grandes grupos musculares.  
 
Os exercícios de Pilates são simples e inteligentes. Não há carga estática a ser levantada (como na musculação), mas o trabalho muscular é feito com molas e elásticos sob tensão constante. Como resultado, não há aquela hipertrofia muscular típica dos “malhadores” mas um músculo anatomicamente definido, e forte. Os aparelhos são desenhados para maximizar o resultado terapêutico. 
 
Normalmente, são feitas de cinco a dez repetições de cada exercício, coordenados por uma respiração consciente e uma estabilização muscular preparatória.  
 
A progressividade nos exercícios não provoca dor muscular e os resultados são mais duradouros. Após algumas semanas, seu corpo encontra uma nova organização muscular, um novo eixo postural, e começa a se mover de uma maneira equilibrada durante as atividades cotidianas, e não só durante os exercícios.  
 
Os resultados dos exercícios terapêuticos mostram que o Pilates é uma ferramenta efetiva como coadjuvante no tratamento dos problemas do sistema musculo-esquelético. 
 
Atualmente, existem outras técnicas derivadas do método Pilates, com efeito igualmente benéfico, como o Gyrotonic e o Kinesis.
Todos os direitos reservados a Pilates Studio :: Site desenvolvido por metamorfose agência digital